Pimenta: vale a pena consumir!

    pimentas

Definitivamente, a pimenta está na moda. São pesquisas sobre as suas propriedades medicinais, receitas culinárias e novas variedades. E ultimamente elas também vêem sendo usadas como plantas ornamentais. Portanto, vamos conhecer um pouco melhor esse fruto versátil – sim, é um fruto – que está dando o que falar.

A pimenta pertence ao gênero Capsicum. E aquela forma alongada e vermelha, que vem à cabeça de todo mundo quando se fala em pimenta, é o fruto da pimenteira. Ela faz parte da família Solanaceae, à qual pertencem também o tomate e a batata.

Antes que bata aquela dúvida nós explicamos: os pimentões são irmãos da pimenta. Eles fazem parte das variedades doces, enquanto que a pimenta vermelha pertence às variedades picantes. Essas variedades picantes também são chamadas de malaguetas ou piri-piri (em Portugal e Moçambique).

DEDO_D~1

As variedades mais conhecidas no Brasil são as malaguetas, tabasco, pimenta-de-cheiro, pimenta-bode, cumari-do-pará, biquinho, murupi, habanero, jalapeño, cayenne, serrano, cereja, dedo-de-moça, cambuci, cumari, pimenta-de-mesa e pimenta-doce.

As espécies do gênero Capsicum mais cultivadas no Brasil são:

- Bode (C. chinense) - frutos arredondados ou achatados, vermelhos e amarelos. É muito picante e os frutos maduros são utilizados principalmente em conservas.

- Cambuci (C. baccatum var. pendulum) – frutos vermelhos em forma de campânula ou de sino. Com sabor adocicado, pode ser utilizada em saladas.

- Cumari-do-pará (C. chinense) – frutos triangulares e amarelos quando maduros. Bastante picante, é utilizada em conservas.

- Cumari-verdadeira (C. baccatum var. praetermissum) – frutos arredondados ou ovalados, vermelhos e muito picantes.

- Dedo-de-moça (C. baccatum var. pendulum) – frutos alongados e vermelhos. Sua pungência é baixa e é utilizada em molhos, conservas e desidratada, em flocos (calabresa).

- Jalapeño (C. annuum) – originária do México, com frutos grandes, sabor forte e pungência mediana.

- Malagueta (C. frutescens) – uma das mais cultivadas é vermelha, mede de 1,5 e quatro centímetros. Com pungência de média para alta, é a mais utilizada para “esquentar” o acarajé.

- Pimenta-de-cheiro (C. chinense) – frutos alongados, triangulares ou retangulares. A coloração também é variável (amarelo-leitoso ao preto), assim como a pungência (doce até muito picante).

Estas pimentas não têm qualquer relação botânica com a Pimenta preta (também chamada pimenta do reino, pimenta redonda ou pimenta em grão), Piper nigrum.

As substâncias que dão às pimentas o sabor picante são o alcalóide lipófilo capsicina e mais quatro outros compostos chamados de capsicinóides. Cada uma destes compostos tem um efeito diferente na boca e as suas diferentes proporções são responsáveis pelas diferentes sensações produzidas pelas diferentes variedades.

A pimenta no Brasil

Com um grande atraso, o Brasil começa a dar valor para uma planta que já é sucesso há muito tempo em vários cantos do mundo.

A produção e o consumo de pimentas vem aumentando bastante nos últimos anos no País. A estimativa é de um mercado que movimenta mais de 100 milhões de reais ao ano. Ainda é pouco, mas a tendência é de crescimento acelerado.

Minas Gerais, Goiás, São Paulo, Ceará e Rio Grande do Sul são os principais estados produtores.

Se sairmos do Brasil e analisarmos a produção mundial de pimenta veremos que ela se concentra quase toda na Ásia. Aproximadamente 89% da produção mundial está localizada na Índia, Coréia, Tailândia, China, Vietnã, Srilanka e Indonésia. Outra região importante é a América do Norte, com os Estados Unidos e México.

A pimenta na história

Pesquisas mostram que o homem já consumia pimenta há 9 mil anos. Essa conclusão veio de explorações arqueológicas na região de Tehuacán, no México. Recente matéria publicada na revista científica “Science” (www.sciencemag.org) afirma que, há 6.100 anos, antes mesmo de os índios americanos inventarem a cerâmica, eles já dominavam o cultivo da pimenta.

No Brasil de 1500, segundo relatos dos colonizadores portugueses, o cultivo de pimentas era uma característica comum das tribos indígenas. E foi nesta época, das grandes navegações, que a pimenta ganhou o mundo. Diego Alvarez Chanca, médico a bordo da segunda expedição de Cristóvão Colombo, de 1493, foi quem levou as primeiras plantas de Capsicum rumo à Espanha.

molho-de-pimenta[6]

Processamento artesanal de pimentas Conserva de Pimenta

Ingredientes

  • 01 copo de vinagre branco
  • 01 copo de cachaça
  • 01 colher (de sopa) de açúcar
  • 01 colher (de chá) de sal
  • 500 g de pimentas selecionadas
  • Vidros para conserva

Rendimento: aproximadamente 500ml em cada receita.

Modo de preparo

Selecione e lave bem as pimentas. Mergulhe as pimentas em água fervente por um minuto (branqueamento), retire imediatamente, e coloque em água gelada até as pimentas esfriarem completamente.

Faça uma calda com vinagre, o açúcar e o sal, e deixe ferver por 2 minutos. Esterilize os vidros e as tampas.

Arrume as pimentas dentro dos vidros. Misture a cachaça com a calda de vinagre, e encha os vidros até a altura do gargalo. Com o auxílio de uma faca fina e esterilizada retire as bolhas de ar da conserva, tampe os vidros e guarde-os em lugar fresco.

Se quiser enriquecer o sabor de sua conserva, coloque alho, cebola, louro e pimenta-do-reino em grãos.

Obs.: Melhor consumir após 20 dias do preparo. Pode-se substituir a cachaça por óleo ou azeite, desde que seja utilizado quente (75º).

molho-de-pimenta-f8-1912

  Molho de pimenta

Ingredientes

  • 01 Kg de pimentas vermelhas (maduras) tipo Bode, Malagueta, Cumari e Dedo-de-moça
  • 05 dentes de alho
  • 01 cabeça de cebola
  • 01 folha de louro
  • 01 colher (chá) de pimenta-do-reino
  • 1/2 copo de vinagre
  • 1/2 copo de cachaça
  • 01 colher (sopa) de sal
  • 01 colher (chá) de açúcar
  • 1/2 Kg de tomates maduros
  • Vidros para molho de pimenta

Rendimento: aproximadamente 1,5 litros de molho.

Modo de preparo

Selecione e lave bem as pimentas e os tomates, e retire a casca da cebola. Bata todos os ingredientes no liquidificador e em seguida passe a mistura obtida pela peneira. Leve ao fogo até obter um molho encorpado e homogêneo. Despeje o molho ainda quente em vidros esterilizados, tampe e coloque as etiquetas.

A especiaria picante é um alimento termogênico, ou seja, acelera o metabolismo e aumenta a temperatura corporal. Isso faz com que o corpo queime mais calorias e ajuda a emagrecer. É claro que, comer um bolo de chocolate com tempero de pimenta não vai mandar seus pneuzinhos embora. Ela deve ser usada como um alimento coadjuvante, junto a uma dieta equilibrada e a prática de exercícios físicos, somente assim você vai gerar resultados.

A pimenta também contém bioflavonóides, que podem ajudar na prevenção de alguns tipos de câncer. São também alimentos altamente nutritivos, fonte de vitaminas A e C, ferro, cálcio, caroteno, niacina, riboflavina, tiamina e fibras.

Fonte: http://www.isla.com.br/cgi-bin/artigo.cgi?id_artigo=536

http://culturaeafrodisiaco.blogspot.com.br/2010/04/hot-hot-hot-pimenta-dedo-de-moca.html

http://www.anitafitness.com.br/beneficios-da-pimenta-caiena/http://www.anitafitness.com.br/beneficios-da-pimenta-caiena/

http://truquesedicas.net.br/culinaria/pimentas

http://umpoucodetudos.blogspot.com.br/2012/08/molho-de-pimenta.html

http://katiavaleriasaboresentimento.blogspot.com.br/

                                 

Tags:

Categorias gastronomia

Inscrever-se

Subscribe to our RSS feed and social profiles to receive updates.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Decoração Infantil

Mobiliário | Iluminação | Texteis e Tapetes | Acessórios | Ideias e Projectos

BLOG DO AMARILDO . CHARGE CARICATURA

Trabalhos publicados diariamente no . . J O R N A L . A . G A Z E T A - E S

Virado à Nani

Site de culinária caseira, mas com muito bom gosto!

Mind....

Let It Be

Diário de Bordo

By: Aninha Carvalho | diariodaaninhacarvalho.com

VIVIMETALIUN

luar o dia vira noite e a lua reflte no mar essa é a atração da noite esse lindo luar pois ela não é mais bonito do que você conte a lua o sol as estrelas e o mar posso até voar mas meu amor nunca acabara

Don Charisma

because anything is possible with Charisma

A Special Thanks who visited me!!! ขอบคุณ - 谢谢 - 감사 - 感謝

Laís Schulz

Fotografia

ARTE & CULTURA | MODA & DESIGN

Rose Abreu | São Paulo/Brazil

Girl being geek.

Um passeio pelo mundo de uma garota nerd.

sunclockusa

The greatest WordPress.com site in all the land!

Blog do André Hottër

Moda, música, humor, filmes, glamour, estilo e atitude.

Espelho, espelho meu, existe ser mais interessante do que eu? O Blog da mulher REAL.

Blog do Washington Dourado

blogdowd@gmail.com

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.559 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: